• Darwin Brandão

Fichamento: "Regras do Jogo" - Capítulo 3

Livro: "Regras do Jogo - Fundamentos do Design de Jogos'

Autores: Katie Salen, Eric Zimmerman

Editora: Blucher

Capítulo: "Interação Significativa" (pg. 47)



"Basta observar cães jovens para ver que todos os elementos essenciais do jogo humano estão presentes em suas divertidas brincadeiras. Convidam uns aos outros para brincar com um certo cerimonial de atitudes e gestos. Mantêm a regra de que não se deve morder, ou pelo menos não morder com força, a orelha do amigo. Fingem estar muito zangados. E o mais importante em todas essas ações é que eles simplesmente se divertem muito. Essas traquinagens dos cães jovens são apenas uma das formas mais simples de jogo entre animais. Existem outras formas muito mais desenvolvidas: competições regulares e belas performances perante um público de admiradores. 
Aqui, de imediato, temos um ponto muito importante: mesmo em suas formas mais simples no nível animal, o jogo é mais do que um mero fenômeno fisiológico ou um reflexo psicológico. Ele vai além dos limites da atividade puramente física ou puramente biológica. É uma função significativa - isso quer dizer, há algum sentido nele. No jogo, existe alguma coisa "em jogo" que transcende as necessidades imediatas da vida e dá sentido à ação. Todo jogo significa alguma coisa." (Johann Huizinga, Homo Ludens)

Introdução à interação lúdica significativa


"De acordo com Huizinga, brincadeiras e jogos, que têm sido difamados na história recente como triviais e fúteis, estão, na verdade, bem no centro do que nos torna humanos." (pg. 48)

"'O jogo é bem mais antigo que a cultura', como diz Huizinga, e Homo Ludens é uma celebração do jogo que liga a natureza combativa e visceral da competição diretamente à guerra, à poesia, à arte, à religião e outros elementos essenciais da cultura. Homo Ludens é, em muitos aspectos, uma tentativa de redefinir e elevar a importância do jogo." (pg. 48)

Significado e interação lúdica


"Aprender a criar boas experiências de jogo para os jogadores - experiências que têm sentido e são significativas - é uma das metas do design de jogos bem-sucedido, talvez a mais importante. Chamamos esse objetivo de design de interação lúdica significativa(meaningful play)" (pg. 49)

"O objetivo do design de jogos de sucesso é a criação de uma interação lúdica significativa." (pg. 49)

"O que todos esses exemplos têm em comum? Cada um situa a ação no contexto de um jogo. A ação não vem apenas do jogo em si, mas da maneira como os jogadores interagem com o jogo para jogá-lo. Em outras palavras, o tabuleiro, as peças e até mesmo as regras do xadrez não podem sozinhos constituir uma interação lúdica significativa. A interação lúdica significativa surge da interação entre os jogadores e o sistema do jogo, bem como do contexto em que o jogo é jogado." (pg. 49)

"Quando um jogador faz uma escolha em um jogo, a ação que resulta da escolha tem um desfecho" (pg. 49)

"Jogar um jogo significa fazer escolhas e tomar medidas. Toda essa atividade ocorre dentro de um sistema de jogo projetado para apoiar tipos significativos de escolhas. Cada ação resulta em uma mudança que afeta o sistema global do jogo. Outra forma de dizer isto é que uma ação que um jogador toma em um jogo resulta na criação de novos significados no sistema. Por exemplo, depois de mover uma peça no xadrez, as relações recém-estabelecidas entre as peças de xadrez dão origem a um novo conjunto de significados - significados criados pela ação do jogador." (pg. 49)

Dois tipos de interação lúdica significativa


"Definimos a interação lúdica significativa de duas maneiras distintas, mas relacionadas. O primeiro sentido de interação lúdica significativa refere-se ao modo como as ações do jogo resultam no desfecho do jogo para criar um significado." (pg. 49)

"A interação lúdica significativa em um jogo surge da relação entre a ação do jogador e o desfecho do sistema; é o processo pelo qual um jogador toma medidas no sistema projetado de um jogo e o sistema responde à ação. O significado de uma ação em um jogo reside na relação entre ação e resultado." (pg. 49)

A "interação lúdica significativa" é um produto da relação entre a ação tomada pelo jogador e o desfecho causado no sistema do jogo. Em todo jogo cujo objetivo é criar uma interação lúdica significativa deve-se prestar muita atenção a relação entre ação e consequência no sistema do jogo. O sistema nunca deve permanecer o mesmo após uma ação do jogador.


"Cada jogo permite que os jogadores tomem ações e determinem resultados para essas ações. Por isso chamamos esta definição de interação lúdica significativa de descritiva, pois descreve o que acontece em cada jogo. Este é nosso primeiro entendimento do que é interação lúdica significativa." (pg. 50)

"Assim, além de nossa compreensão descritiva da interação lúdica significativa, que descreve o que acontece em todos os jogos, precisamos de algo que nos ajude a ser mais seletivos na determinação de quando a interação lúdica significativa ocorre" (pg. 50)

"Este é o segundo sentido da interação lúdica significativa. Em vez de ser uma descrição de maneira como os jogos funcionam, refere-se ao objetivo do design de jogos bem-sucedido. Esse sentido de interação lúdica significativa é avaliativo: isso nos ajuda a avaliar criticamente as relações entre ações e resultados, e decidir se são significativos o suficiente no sistema projetado do jogo." (pg. 50)

"A interação lúdica significativa ocorre quando as relações entre ações e resultados em um jogo são discerníveis e integradas no contexto maior do jogo. Criar uma interação lúdica significativa é o objetivo do design de jogos bem-sucedido." (pg. 50)

"A palavra 'significativo' neste sentido é menos sobre a construção semiótica do sentido (como o significado é criado) e mais sobre a experiência emocional e psicológica de habitar um sistema bem projetado de jogo." (pg. 50)

"A fim de compreender por que alguma ação nos jogos é mais significativa que outras, precisamos entender os termos-chave na definição: discernível e integrada." (pg. 50)


Discernível


"Discernível significa que o resultado da ação do jogo é comunicado ao jogador de uma forma perceptível." (pg. 50)

Informações que alteram o estado do sistema do jogo devem ser facilmente percebidas pelo jogador. O jogador tem o direito de saber quando sua tropa está sendo atacada, ou seu avatar está ficando com fome, ou qualquer outra informação crucial para a tomada de decisão. Caso essas informações não sejam facilmente perceptíveis, o jogador se frustrará, pois não cabe a ele adivinhar quando o estado do sistema é alterado.


Todo resultado de escolha do player (seja agir ou não agir) deve produzir feedbacks facilmente discerníveis para o jogador. Não podem haver dúvidas com relação aos status de um avatar num jogo de sobrevivência, ou com relação a qualquer efeito no sistema do jogo cuja causa tenha sido produto da tomada de decisão do jogador.


"Se você atirar em um asteroide durante um jogo de computador e o asteroide não mudar em nada, você não saberá se realmente o atingiu ou não. Se você não receber um feedback que indica que você está no caminho certo, a ação tomada terá muito pouco significado." (pg. 51)

"Por outro lado, se você atirar em um asteroide e ouvir o som do impacto, o asteroide estremecer violentamente ou explodir (ou todos os três), então o jogo comunicou de forma eficaz o resultado de sua ação. (pg. 51)"

"[...] - em suma, se você não sabe o significado da sua ação - então o resultado de sua ação não foi discernível." (pg. 51)

"[...] quando a relação entre uma ação e o resultado dessa ação não é discernível, a interação lúdica significativa é difícil ou impossível de alcançar." (pg. 51)

"A discernibilidade em um jogo permite que os jogadores saibam o que aconteceu quando eles tomaram uma ação. Sem discernibilidade, o jogador poderia muito bem estar aleatoriamente pressionando os botões ou mostrando cartas. Com discernibilidade, um jogo possui um dos fundamentos da interação lúdica significativa." (pg. 51)

Integrado


"Outro componente da interação lúdica significativa requer que a relação entre a ação e o resultado seja integrada ao contexto maior do jogo. Isso significa que uma ação que um jogador toma não só tem importância imediata no jogo, mas também afeta a experiência em um ponto mais adiante no jogo." (pg. 51)

"Enquanto a discernibilidade dos eventos do jogo informa aos jogadores o que aconteceu (acertei o monstro), a integração permite que os jogadores saibam como ela vai afetar o resto do jogo (Se eu continuar a bater no monstro, vou matá-lo. Se eu matar monstros o suficiente, ganharei um nível.). Cada ação que um jogador toma é tecida na trama maior da experiência geral do jogo: é assim que a ação de um jogo se torna realmente significativa." (pg. 51)

"A interação lúdica significativa envolve vários aspectos de um jogo simultaneamente, dando origem a camada de significado que se acumulam e dão forma à experiência do jogador." (pg. 51)

Toda ação exercida pelo jogador deve ter um feedback discernível que tenha um impacto integrado diretamente com a jornada pelo objetivo.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Fichamento: "Regras do Jogo" - Capítulo 5

Livro: "Regras do Jogo - Fundamentos do Design de Jogos' Autores: Katie Salen, Eric Zimmerman Editora: Blucher Capítulo: "Sistemas" (pg. 65) "O sistema é em parte uma memória do seu passado, assim co

Fichamento: "Regras do Jogo" - Capítulo 4

Livro: "Regras do Jogo - Fundamentos do Design de Jogos' Autores: Katie Salen, Eric Zimmerman Editora: Blucher Capítulo: "Design" (pg. 55) "O design é a aplicação sucessiva de restrições até que reste

Fichamento: "Regras do Jogo" - Capítulo 2

Livro: "Regras do Jogo - Fundamentos do Design de Jogos' Autores: Katie Salen, Eric Zimmerman Editora: Blucher Capítulo: "O Processo de Design" (pg. 27) Design iterativo "A formação em design de jogos